Copa do Mundo 2014 – dia 2


Valdivia comemora seu gol contra a Austrália

O segundo dia da Copa do Brasil contou com a primeira surpresa da Copa. E, provavelmente, um dos melhores jogos.

Reeditando a final da Copa passada, a atual campeã Espanha enfrentou a atual vice Holanda em Salvador. Deveria ser La Roja contra os Laranjas. Mas a regra absurda da FIFA (mais uma), fez com que a Espanha atuasse de branco e a Holanda de azul. Quem entende?

A Espanha começou melhor, impondo o toque de bola característico e irritante. Curioso ver a presença do brasileiro Diego Costa atuando como atacante espanhol. Mas a torcida não perdoou a escolha do alagoano e o vaiou impiedosamente toda vez que pegava na bola.

Mesmo com as vaias, Diego conseguiu cavar um pênalti mandrake (mais um nesta Copa), convertido por Xabi Alonso. A Espanha ainda teve outra grande oportunidade no primeiro tempo quando Davi Silva saiu na cara do goleiro holandês, que desvio o chute espanhol.

A partir daí, só deu Holanda. Ainda no primeiro tempo, Blind fez um lançamento sensacional para Van Persie mergulhar e surpreender Casillas. O gol holandês impediu que o goleiro espanhol quebrasse o recorde de invencibilidade de Zenga, obtido na Copa de 90.

No segundo tempo, um verdadeiro massacre dos ex-laranjas. Robben, Vrij, Van Persie (em falha de Casillas) e novamente Robben, desta vez humilhando o goleiro e a defesa espanhola, decretaram um impensável 5 x 1 para a Holanda! Jogaço em Salvador.

No outro jogo do Grupo B, o Chile começou arrasando a Austrália, fazendo 2 x 0 com menos de 20 minutos. Jogando em Cuiabá e contando com uma invasão da torcida, o Chile diminuiu seu ímpeto e permitiu que a Austrália tentasse alguma coisa. E deu certo. Ainda no primeiro tempo, o craque do time, Cahill subiu mais que a baixa zaga chilena e descontou.

O segundo tempo foi mais da Austrália, que queria empatar de qualquer jeito, mas consagrou o goleiro Bravo, do Chile. No final, Beausejour marcou o terceiro e decretou o resultado final da partida.

Provavelmente Espanha x Chile, na próxima rodada, irá definir quem passa no grupo e, pior, quem enfrenta o Brasil nas Oitavas. O interesse no jogo será para o comportamento da Espanha, depois da sacolada que levou da Holanda. E se o Chile tem como repetir os primeiros minutos do confronto contra a Austrália.

No primeiro jogo do dia, México 1 x 0 Camarões, completando o Grupo A, do Brasil. Acompanhei apenas o segundo tempo pela TV. O primeiro foi pelo rádio. O placar só não foi mais elástico para os mexicanos devido a dois gols erroneamente anulados pela arbitragem. Pelo visto, Camarões será coadjuvante neste grupo e Croácia x México decidirão quem passa junto com o Brasil no grupo.

Que venha o terceiro dia, com 4 jogos, dos grupos C e D, inclusive com o clássico Inglaterra x Itália!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s